A Direção Regional de Cultura do Centro organiza nos dias 11, 12 e 13 de julho, a Conferência Internacional CULTURA. TERRITÓRIO E DESENVOLVIMENTO, na aldeia histórica de Idanha-a-Velha.

A conferência tem como mote uma discussão alargada sobre o papel da cultura no desenvolvimento dos territórios, tendo como pano de fundo a competição que se avizinha em Portugal para selecionar a Capital Europeia da Cultura 2027. 

Serão discutidas as seguintes temáticas:
* Políticas culturais ao nível local e regional;
* Desenvolvimento de públicos e lógicas participativas;
* Dimensão Europeia e internacionalização dos territórios.

Serão apresentados casos nacionais e internacionais, no que diz respeito ao desenvolvimento e gestão de políticas culturais em cidades, desenvolvimento de públicos e estratégias de internacionalização, com especial relevo para as experiências das Capitais Europeias da Cultura e também da Rede de Cidades Criativas UNESCO.

A Conferência conta com o apoio do Município de Idanha-a-Nova, Turismo Centro de Portugal e Aldeias Históricas de Portugal

Não falte à discussão! PARTICIPE!

 

Inscreva-se até dia 5 de julho através do email conferencia@drcc.gov.pt ou no formulário online
Inscrições gratuitas e limitadas ao espaço. 

Agradecemos que, após inscrição, e caso não venha a ter disponibilidade para participar na conferência, contacte a organização com antecedência, para que seja possível ceder o seu lugar a outros interessados.

 

Moderador: Américo Rodrigues (Diretor-Geral das Artes)

DIA 11 DE JULHO | QUINTA-FEIRA

14:00h

Check-in

15:00h

Abertura
Ângela Ferreira (Secretária de Estado da Cultura)
Armindo Jacinto (Presidente da Câmara Municipal Idanha-a-Nova)
Ana Abrunhosa (Presidente da CCDR-Centro)
Pedro Machado (Presidente Turismo Centro)

15:40h

A Agenda 21 como instrumento para o desenvolvimento de políticas culturais: pressupostos e reflexões

Keynote sobre o papel transversal e estratégico da cultura no desenvolvimento das cidades e regiões e, simultaneamente, a apresentação de um instrumento de apoio ao desenvolvimento e implementação de políticas culturais participadas.

Keynote: A confirmar

16:00h

As Políticas Culturais à Escala Regional

Painel de discussão sobre o papel das políticas culturais à escala regional, iniciando-se com a apresentação de um exemplo que, não tendo sido bem sucedido na atribuição do título CEC (Three Sisters / Irlanda 2020), permanece como um exemplo interessante de política cultural ao nível intermunicipal.

Tópicos para discussão:

- Como articular autarquias, regiões e Estado Central?
- Que modelos de financiamento específicos a desenvolver?
- Como desenvolver parcerias público-privadas e intersetoriais?

Caso Inspirador: Three Sisters CEC 2020 / candidata Irlandesa

Painel: Karan Thompson (Three Sisters), Isabel Damasceno (CCDR-C), Edgar Garcia (Instituto Catalão para as Empresas Culturais), Pedro Machado (Turismo do Centro)

17:00h

Visão Centro 2027: processo e reflexões na região

Debate entre Representantes das Candidaturas da Região Centro, atualmente a preparar a candidatura a Capital Europeia da Cultura 2027 em Portugal.

Tópicos para discussão:

- Qual a visão e como estão a ser desenvolvidas as estratégias culturais para a cidade?
- Qual é e como desenvolver a dimensão Europeia?
- Como angariar recursos e envolver diversidade parceiros regionais, nacionais e internacionais?
- Quais são os benefícios esperados?
- Qual é a visão para o legado?

Painel: José Pina (Aveiro), Luís de Matos (Coimbra), Paulo Lameiro (Leiria), José Manuel Amaral Lopes (Guarda)

Moderador: Américo Rodrigues (Diretor-Geral das Artes)

19:00h

Cocktail & Apéro

22:00h

Concerto 

Idanha-a-Velha

 

12 DE JULHO | SEXTA-FEIRA

9:00h

Check-in

10:00h

Abertura  

10:10h

A Dimensão Europeia da Cultura e as Cidades

Keynote sobre a dimensão Europeia das CECs e dos desafios na conceção e desenvolvimento deste conceito.  

Tópicos para discussão:

- Que instrumentos e redes existem para apoiar a internacionalização das cidades?
- Qual o papel e desafios das cidades e das regiões nos processos de internacionalização e de integração Europeia?
- Como promover a cooperação cultural e a mobilidade?

Keynote: Sylvain Pasqua (Comissão Europeia)

Painel: Sylvain Pasqua (Comissão Europeia), Marta Martins (Artemrede), Dalila Dias (Aldeias Históricas de Portugal), Ana Cizauskiene (Kaunas 2022) 

11:15h

Coffee-break 

11:30h

A Rede de Cidades Criativas UNESCO: o caso Português

Apresentação e discussão dos projetos de cidades portuguesas que integram a rede.

Keynote: Emmanuelle Robert (Rede de Cidades Criativas UNESCO)

Apresentações: Amarante, Braga, Óbidos, Idanha-a-Nova

12:30h

Almoço

14:30h

Desenvolvimento de públicos e lógicas participativas – workshop

O significado do desenvolvimento e envolvimento de públicos, e respetivos desafios para os operadores e instituições culturais. Este workshop pretende demonstrar modelos e métodos para desenvolver processos de co-criação e envolver diferentes públicos-alvo, de forma interativa em que o público é convidado a participar.

Facilitadora: Agata Etmanowicz (Impact Foundation, Polónia)

15:15h

Para além das capitais da cultura: o legado

Momento final de reflexão sobre o legado e a visão de longo prazo, o pós-CEC.

Keynote: Beatriz Garcia (Universidade de Liverpool, Reino Unido)

Painel: Francisca Abreu (Representante de Guimarães 2012) e Jelle Burggraaf (Leeuwarden 2018).

16:00h

Coffee-break

16:30h

A cidade que procuro

A finalizar a discussão reúne-se a nova geração de “fazedores”, que terão como desafio refletir sobre a sua visão de cidade, cultura e desenvolvimento. O que esperam e precisam os agentes culturais a quem as políticas públicas são também dirigidas?

Painel*  Bordalo II, João Vasconcelos (Canal 180), Ana Bacalhau e José Luís Peixoto 
 * a confirmar

17:15h

Conclusões

17:45h

Encerramento

Graça Fonseca (Ministra da Cultura)

 

13 DE JULHO | SÁBADO

9:30h /18:00h

Visita às Aldeias Históricas de Sortelha, Belmonte e Monsanto.

Visita guiada com inscrição até 5 de julho. Almoço livre em Belmonte.

 

Partilhar