Voltar

Objeto do Mês | setembro 2018

 

Registo de Santo ou Lâmina ou Chapa
"Milagre de Nossa Senhora da Nazaré", séc. XX
Josefina Teixeira Silvério, Sítio da Nazaré
alt. 40 cm x larg. 30 cm
Doação da autora, 1974
Museu Dr. Joaquim Manso inv. 269 Grav.


Setembro é o mês das Festas em Honra de Nossa Senhora da Nazaré, cujo ponto alto se celebra no dia 8, com missa e procissão a partir do Santuário de Nossa Senhora da Nazaré, localizado no Sítio.
Este culto, multissecular, suscitou popularmente a produção de pequenas "lâminas", "lâmedas" ou "chapas", trabalhos que simultaneamente cumpriam uma função votiva e, por outro lado, serviam de recordação da deslocação do peregrino ao Santuário.
Por norma, são pequenos quadros (retangulares, alguns circulares), para serem suspensos na parede ou em pequeno oratório doméstico. Incluem uma gravura ou “registo de santo” do Milagre de Nossa Senhora da Nazaré a D. Fuas Roupinho, em torno da qual se desenvolve toda uma composição colorida com elementos alusivos ao mar e à pesca ou outros mais simbólicos como flores e aves, pintados a anilina ou realizados com colagens de papéis coloridos e tecido. Toda a composição é protegida por um vidro delimitado por filete colorido ou por uma a “caixa de vidro” com moldura mais ou menos elaborada.

Assim é a “lâmina” em destaque em setembro, da autoria de Josefina Teixeira Silvério, com pintura a anilina de cores variadas (vermelho, amarelo, rosa) sobre chapa vítrea assente em papel de prata com relevos decorativos, no qual se vê colada, no canto superior direito, a litografia de um registo do milagre de Nossa Senhora da Nazaré, com legenda seguida de indulgências.
Na parte central, em diagonal, um peixe de maiores dimensões emerge do fundo do oceano repleto de pequenos peixes; no canto inferior esquerdo, assenta uma âncora; no lado direito, sob a proteção da Virgem, destaca-se a típica embarcação de bico nazarena (“barco de arte xávega”). No canto superior esquerdo, uma pomba esvoaça entre flores. A toda a volta, uma moldura de filete, em papel amarelo colado. 

Lâmina Nossa Senhora da Nazaré 269 Grav


Josefina Teixeira Silvério foi uma das “santeiras” dedicada a este trabalho no Sítio da Nazaré, a par de outras como a célebre Virgínia Teixeira Peixoto, de quem o Museu Dr. Joaquim Manso possui uma coleção significativa.

+ informação em MatrizNet

Outras lâminas “Objeto do Mês”: 330 Grav. e 1276 Grav.

Milagre de Nossa Senhora da Nazaré, por Mário Botas

Data: 01/09/2018 a 30/09/2018

Local: Museu Dr. Joaquim Manso | Nazaré

Publicação: 31-08-2018

Categorias

Partilhar