Voltar

Objeto do Mês | julho 2019

 

Gama Diniz (n. Lisboa, 1938)
O Gabriel, 1983
óleo sobre tela
alt. 55 x larg. 38,5 cm
Oferta do autor, 1985
Museu Dr. Joaquim Manso inv. 120 Pint.


Quem se recorda do Gabriel?

"Gabriel" era uma figura típica do quotidiano da Nazaré, embora algo enigmática.

Era um homem forte e pacato, sem proveniência conhecida nem morada certa. Calcorreava as ruas da Nazaré apoiado num cajado e, muitas vezes, transportando uma trouxa com os seus parcos haveres.

É assim que o pintor Gama Diniz o representou, sentado num degrau, segurando o seu cajado, usando a “camisa à pescador” e boné na cabeça. No seu lado direito, vê-se um pano branco enrolado em forma de trouxa; no lado esquerdo, sobre o degrau, uma tigela com colher, possivelmente para uma frugal refeição.

Gama Diniz tem dedicado à Nazaré uma parte significativa do seu percurso pictórico. Centra-se nas figuras femininas ou masculinas, individualizadas ou em grupo, tratadas a pinceladas coloridas e pronunciadas, como nesta pintura dos anos 1980, ou a desenho, como na pequena composição também dedicada ao Gabriel e adquirida pelo Museu Dr. Joaquim Manso (Inv. 107 Des. - consultar aqui)

Gama Diniz foi pintor de cerâmica nas Caldas da Rainha e decorador artístico na indústria cerâmica em Alcobaça e Valado dos Frades. Trabalhou ainda como designer na indústria vidreira na Marinha Grande.


Mais informação sobre esta obra (MatrizNet).

Mais informação sobre "O Gabriel" em "Figuras do quotidiano da Nazaré - Primeira Mostra", Museu Dr. Joaquim Manso, 1985.

 

Gabriel Museu Nazaré 120 Pint

Data: 01/07/2019 a 31/07/2019

Local: Museu Dr. Joaquim Manso | Nazaré

Publicação: 02-07-2019

Categorias

Partilhar