Voltar

Objeto do Mês | abril 2019

 

Catraio ou “Barco de carreira” ou de “mar e fora”
Miniatura realizada por Henrique Murraças
madeira, alt. 21 x larg. 22 x comp. 56,5 cm
Doado pelo autor, abril de 1976
Museu Dr. Joaquim Manso inv. 712 Etn.


O catraio era uma embarcação destinada à pesca do alto (ou seja, uma pesca mais longe da costa), com aparelhos de anzol. Em 1897 foi proibida de navegar, por ser considerada pouco segura por não ter quilha e poder originar naufrágios.

Era uma embarcação pintada de preto, de construção semelhante ao barco de arte xávega, com proa pontiaguda reforçada a cobre, ré cortada e fundo chato, mas de dimensão muito superior.

Navegava a remos e a vela latina (duas), cujos mastros, providos de teques, enfurnam em enoras e emecham em carlingas. Apresentava uma popa de painel com leme fora de bordo, um paneiro à proa e outro à ré, tendo este uma escotilha. Tinha uma coberta arqueada e, sobre as tábuas de falca, duas malaguetas a bombordo e estibordo, à vante e à ré, uma em cada lado.

A miniatura desta embarcação foi realizada, à escala, pelo nazareno Henrique Murraças e doada ao Museu Dr. Joaquim Manso em 30 de abril de 1976, no contexto da recolha de objetos para o museu que iria ser inaugurado nesse ano, a 6 de junho.

Mais informação em MatrizNet

 

catraio 712

© José Pessoa, DGPC

Data: 01/04/2019 a 30/04/2019

Local: Museu Dr. Joaquim Manso | Nazaré

Publicação: 28-03-2019

Categorias

Partilhar